O que sabemos sobre a artrose?

O que é Artrose?

Artrose, também chamada de osteoartrite, é uma doença onde as articulações afetadas geram o desgaste da cartilagem local que recobre as extremidades dos ossos. Além disso, podem danificar outros componentes das articulações como: ligamentos, a membrana sinovial e o líquido sinovial.

A função primordial das articulações é propiciar o deslizamento entre os ossos, diminuindo o atrito local. Seu comprometimento pode gerar dores nas articulações, além de inchaço e limitação funcional podendo afetar qualquer junta do corpo. As áreas mais comumente afetadas são: mãos, coluna (bicos de papagaio), quadril e joelhos.

Como surge a Artrose?

A artrose é uma patologia progressiva, que se dá geralmente a partir dos 50 anos de idade onde as articulações podem iniciar um desgaste natural. Porém, os tratamentos podem deixar de acelerar os processos de progressão da artrose, aliviando dores e melhorando a função articular.

Muito comum no Brasil, a artrose atinge 15 milhões de pessoas segundo o Ministério da Saúde e atingiu a marca da quarta doença que mais diminui a qualidade de vida segundo a OMS.

Quais são os tipos de Artrose existentes?

Artrose primária: ocorre devido a hiper utilização inadequada da articulação e pelo desgaste natural, podendo chegar à perda total da cartilagem, o que leva o paciente a não suportar a dor como sintoma principal nesses casos. É fundamental fazer atividade física para ganho de massa muscular, visto que o sedentarismo se posiciona como maior fator de risco para a instalação da artrose mais precocemente.

Artrose secundária: ocorre devido a um comprometimento de causas próprias do indivíduo. A obesidade, tabagismo e a artrite reumatoide prévia aumentam o risco, além de outros distúrbios hormonais.

Como é feito o diagnóstico da Artrose?

O diagnóstico é clínico, através dos sintomas e da história do paciente e complementado por exames de imagem como raio X e ressonância magnética, sempre orientados por um ortopedista.

Quais são os tipos de tratamentos para a doença?

As opções de tratamento para a artrose são: medicações orais, terapias (fisioterapia, acupuntura), visco suplementação (aplicação de ácido hialurônico na articulação), bloqueios (procedimentos com injeções minimamente invasivas) e cirurgias de correções ósseas e substituições das articulações (próteses).

Vale lembrar que todos esses tratamentos devem ser aplicados rigorosamente nessa ordem e que independentemente do tratamento realizado, os exercícios físicos devem obrigatoriamente constar no dia a dia do paciente, respeitando sempre o limite individual de cada indivíduo.

Quadro Resumo:

Descrição: a Artrose é a destruição das cartilagens localizadas nas juntas, pelo uso excessivo inadequado ou desgaste natural da idade.

Tipos: pode ser primária ou secundária.

Fatores de risco: idade, sexo (mulheres mais acometidas), traumas articulares prévios, obesidade, tabagismo, artrite reumatoide, over training e sedentarismo.

Diagnóstico: história clínica, sintomas, raio x e ressonância magnética.

Tipos de tratamentos: medicações orais, terapias, visco-suplementações, bloqueios e cirurgias.

Como prevenir: evitar períodos prolongados na mesma posição, evitar cargas excessivas e prática de fortalecimento muscular direcionado (exercícios físicos orientados).

Fale conosco!

Rolar para cima